Unicampo - Pós 2021
  • O ar-condionador estava ligado e o gabinete do prefeito Tauillo Tezelli até que estava fresquinho ontem de manhã, mas repare bem como ficou molhada a camisa do vice-prefeito Getulinho Ferrari. Foi durante a solenidade de posse de Sidnei Jardim na Coordenação de Assuntos de Governo. Também, começaram a falar que Tezelli deveria renunciar para ser candidato a deputado e o vice foi suando, suando, suando até ficar desse jeito. E olha a cara de preocupado dele. Deve ser esse calor de outono...

    Comentário(s)
  • Prever - Descontos

  • Manifesto
    Lideranças ligadas ao PPS aproveitaram ontem a solenidade de posse de Sidnei Jardim como coordenador de Assuntos de Governo e lançaram um manifesto pedindo a candidatura do prefeito Tauillo Tezelli a deputado. O manifesto tem duas mil assinaturas de líderes regionais. Tudo para convencer o prefeito a fazer o que não quer. Imagine se não fossem amigos dele...


    Não quer
    O lançamento do manifesto em pleno gabinete pegou Tezelli de surpresa. Ele prometeu pensar e decidir o que for melhor para Campo Mourão. Isso em público. Mais reservadamente, o prefeito demonstra estar cansado de tanta pressão. Ele insiste que não quer ser candidato e que prefere cumprir seu mandato até o fim. Difícil é bater o martelo e dizer não...


    Razões
    Não é apenas o fato de renunciar a prefeitura a três anos do fim do mandato que incomoda Tauillo Tezelli, não. Ele diz que nunca pensou em ser deputado e não se preparou para isso. Outra coisa que pesa na balança são os negócios que o prefeito mantém na cidade. Ele não quer se distanciar ainda mais deles. Isso sem contar que Brasília é tão seca e Curitiba tão fria...


    Obrigação
    O prefeito Tauillo Tezelli já chegou a comunicar ao PPS, na semana passada, que não quer ser candidato a deputado. Mas a pressão para que ele mude de idéia é grande. O deputado Rubens Bueno, por exemplo, prensou Tezelli na parede dizendo que o prefeito tem a obrigação de ser candidato. Hummm, não foi bem isso que disseram na campanha de 2000...


    Fácil
    O prefeito de Araruna, Renato Toaldo, que participou ontem do manifesto pró-Tezelli, disse que a cobrança para que o prefeito de Campo Mourão seja candidato a deputado existe até em seu município. Segundo Toaldo, Tezelli tem um nome fácil de ser trabalhado. Fácil? Ele é prefeito há cinco anos e até hoje é chamado por aí de Tauilio, Tanilo, Tanílio..


    Gafe
    Falando em Renato Toaldo, o prefeito de Araruna foi confundido ontem pelo cerimonial da prefeitura. Ele foi chamado de Marcos Lopes (prefeito de Peabiru). Quando viram o erro, trocaram a cidade e mantiveram o nome. Nova mancada. Mas no final tudo se acertou. Ah, Araruna, Peabiru, é tudo prefeito do PPS e tudo da mesma comarca...


    Comício
    Além de Toaldo, falaram em defesa da candidatura de Tezelli o presidente local do PPS, Francisco Pequito, os vereadores Edson Battilani e Izael Skowronski e o consultor do Sebrae, João Douglas Fabrício. Esses três últimos são pré-candidatos a deputado no PPS. Não é por nada, não, mas a posse de Jardim acabou virando um grande comício...


    Desta vez
    A solenidade entrou em clima de festa. Battilani falou que 65% da população quer que Tezelli seja candidato a deputado. Izael reclamou que o bom dia que deram a ele estava fraco e teve direito a um “replay” Já Douglas encerrou sua fala com a frase: “(Tauillo) que Deus te acompanhe desta vez”. Como é que é? Desta vez? Ah, na próxima Douglas quer uma chancinha...


    Aplausos
    A cada discurso em prol da candidatura de Tezelli, saía uma salva de palmas no gabinete. No final do evento, o pessoal estava tão animado que aplaudiram até a oração do pastor José Anunciação dos Santos (Assembléia de Deus). No Concurso Pinóquio, segunda-feira à noite, aplaudiram até um vídeo institucional da prefeitura. Eta povo pra gostar de aplaudir...


    Na mesma
    Nessa dúvida se Tezelli saiu ou não sai da prefeitura neste final de semana, Sidnei Jardim não ajudou em nada ao tomar posse como coordenador de Assuntos de Governo. Ele fez questão de dizer que foi convidado para o cargo por Tezelli e pelo vice Getulinho Ferrari. Ih, mas nem uma pistinha pra gente?...


    Apertado
    A solenidade de posse de Jardim superlotou o gabinete de Tezelli. Muita gente teve que ficar pra fora e não pôde acompanhar o evento. O gabinete ficou muito bonito após as reformas, mas continua pequeno e impróprio para esse tipo de solenidade. Tá na hora de se fazer um auditório para reuniões na prefeitura. Onde era o antigo plenário da Câmara dá certinho...


    Convidados
    O improvisado plenário da Câmara, no salão de festa da loja maçônica Luz do Oriente, também ficou lotado ontem para a posse do pastor André Portes na cadeira de Sidnei Jardim. A maioria era convidada do pastor da igreja do Evangelho Quadrangular. Eles só não entenderam até agora porque justo a posse de um pastor ocorreu na maçonaria. Ih, isso é um looonga história...


    Sentado
    Logo no primeiro dia como vereador, o pastor André deu o maior susto na bancada aliada. Ele não se levantou na hora de votar uma emenda do vereador Edoel Rocha destinando R$ 200 mil para reformas no Mercadão Municipal. Sem querer, votou contra a prefeitura. Para sorte dele, a emenda não passou. Faltou um votinho. Mas desse jeito o pastor mata o prefeito do coração...


    Empréstimo
    A sessão extraordinária de ontem, aliás, era para ser rápida. Era. Com a casa cheia, os “nobres edis” acabaram prolongando a reunião. De mais polêmico, só o pedido da prefeitura para financiar R$ 4,9 milhões para uma série de obras. Era daí que Edoel queria tirar R$ 200 mil para repassar ao Mercadão. Não deu. Ah, mas hoje tem segundo turno e milagres acontecem...


    Mentira
    Que o radialista Gérson Maciel é um mentiroso de marca maior, todo mundo sabe. No Concurso Pinóquio deste ano, no entanto, ele exagerou. Maciel venceu de novo na categoria maior mentira e ainda viu o filho, Bruno, ficar em segundo na mentira infantil e a mãe, Irene, também ser segundo na mentira adulta. Pode? Tem futuro político essa família, hein?...


    CONTAGEM REGRESSIVA: Faltam 2 dias para o prefeito Tauillo Tezelli decidir se cumpre o mandato até o fim ou se renuncia a prefeitura e concorre a deputado.
    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • Eu estava quietinho consertando relógios e o Tauillo foi me chamar”.

    Sidnei Jardim (PPS), coordenador de Assuntos de Governo, lembrando como saiu da Gouveia para entrar a vida pública em Campo Mourão, ontem, durante discurso de posse na prefeitura.

    Comentário(s)
  • Sicredi - Bank

  • Antônio José

  • Paraná Multas

  • Educare - Horizontal

blz.com.br