Unicampo- vestibular - 2022
  • Esse aí é Antônio Antunes, o “Coveiro”. O apelido dele não esconde. Antunes foi coveiro durante 22 anos em Corumbataí do Sul. Nesse período, enterrou cerca de mil pessoas, incluindo quatro filhos pequenos. Ele só deixou a função devido a problemas de saúde. Antunes não entende porque ninguém se inscreveu no concurso de coveiro aberto pela prefeitura (salário de R$ 209,16). Ele jura que nunca viu assombração nenhuma no cemitério. Também jura que ninguém veio lhe puxar o pé à noite. Antunes afirma ainda que o serviço é tranquilo, uma vez que só morre, em média, uma pessoa por mês no município. Isso sem contar que ninguém volta pra reclamar que foi mal enterrado...

    Comentário(s)
  • Corpal - Royale - Lançamento

  • Despesão
    Tem gente que acha que Boca Santa pega demais no pé dos vereadores por causa das diárias. Pode ser. Mas fique sabendo que somente em maio a Câmara gastou R$ 11.050,00 com diárias para 10 vereadores. O que matou foram eventos em Brasília e em Foz do Iguaçu. Culpa dos organizadores que nunca marcam seminários para Herveira ou Bourbônia...


    Mais mais
    Quem mais usou diárias em maio foram Salvador Martins, Edoel Rocha e Walter Zamoro. Cada um pegou R$ 1,5 mil para ir a Brasília e a Foz. Janir “Branco” Barbosa gastou R$ 1,25 mil. Não usaram diárias no mês apenas Celso Hruschka, Edson Battilani, Izael Skowronski, professor Idê, Isidoro Moraes, Gustavo Gurgel e José Turozi. Vejam só, ficou mais fácil dizer quem não usa...


    Barbatimão
    Um fiscal do setor de meio ambiente esteve ontem à tarde na Câmara de Vereadores. Estava atrás de Celso Hruschka para entregar uma notificação e duas multas de R$ 600 cada uma. Motivo? O corte de árvores da espécie barbatimão, protegidas por lei, num imóvel na rua Interventor Manoel Ribas. O vereador, porém, não foi encontrado. Ih, mas lá se vai o ordenado do mês...


    Não é dele
    Ao contrário da fiscalização, Boca Santa encontrou Celso Hruschka. Ele disse o seguinte: 1o) o imóvel não é dele e sim da família; 2o) o corte das árvores foi pedido por um vizinho que temia que o barbatimão caísse sobre a casa dele; 3o) a princípio esse vizinho teria autorização da prefeitura para fazer o corte; 4o) vai recorrer contra as multas. Ah, nada que seis diárias não paguem...


    Suspenso
    A Câmara de Corumbataí do Sul aprovou anteontem, por unanimidade (7 a 0), o pedido de suspensão temporária do vereador José Estevam do Amaral (aquele, que chegou a ser preso acusado de cobrar taxas ilegais de trabalhadores rurais!). A suspensão é por 60 dias,  período em que corre o processo de cassação do vereador. Deve ser inferno astral. Ou macumba mesmo...


    Pega! Pega!
    Uma cena chamou a atenção de quem estava na madrugada de domingo no Gaúcho Lanches. De repente, um homem passou correndo a toda pela rua. Logo em seguida, atrás dele, veio outro homem correndo com um revólver na mão. Dali a pouco, o homem armado voltou trazendo o “corredor” pelos colarinhos. Pode? Mais um pouco e tão fazendo duelo no calçadão...


    Furtando
    Aliás, ainda no sábado à noite, um morador da cidade foi num baile do Clube Mourãonse. Para maior segurança, escolheu a dedo o local para estacionar o Fuscão 72: bem embaixo de um poste. Iluminação perfeita, Fusca seguro, certo? Errado! Quando saiu do baile, encontrou o carro no lugar. Só que levaram todos os auto-falantes do Fuscão. Ah, não combinava com Fusca mesmo...


    Arquivo
    A promotoria deverá arquivar a denúncia de que a prefeitura de Quinta do Sol estaria usando a aposentadoria dos internos do asilo para manter a instituição. Ela conversou com alguns internos e eles querem continuar assim, uma vez que são bem tratados. É, pensando bem, casa, comida, roupa lavada e assistência médica por um salário mínimo, nem é questão de caridade. É milagre mesmo...


    Alternativa
    Em Quinta do Sol, os 14 internos aposentados ficam com apenas R$ 20 por mês. Os outros R$ 180 vão para a direção do asilo. E se não fosse isso, a instituição não sobreviveria. Os gastos mensais do asilo ficam na casa dos R$ 5 mil e os repasses do governo federal mal chegam a R$ 1 mil por mês. Aliás, não dá vontade de mandar o governo pegar esse milão e, bem, deixa pra lá...


    Animado
    O vereador Sebastião Ribeiro anda animado com o projeto do mototáxi. Ele acha que conseguirá derrubar, em plenário, o parecer jurídico que barrou a tramitação do projeto, considerado inconstitucional. Tião já foi até buscar em Sarandi a cópia da lei que regulamentou o mototáxi por lá. Sem querer desanimar ninguém, mas é mais fácil torcer pra China na Copa do Mundo...


    Ajudinha
    O prefeito de Fênix, Eurípedes Molina Tasca, sanciou lei municipal concedendo uma “ajuda de custo” de 11,11% aos cargos de confiança da prefeitura. A “ajuda” é válida por seis meses e tem efeito retroativo a abril. Foi a forma que o município encontrou para não deixar os comissionados sem o reajuste dado aos servidores de carreira. Afinal, cargo de confiança também é gente, né?...


    Reajustinho
    Depois de Peabiru, agora é a vez de Mamborê anunciar uma reposição salarial aos servidores municipais inferior a dada por Campo Mourão. O prefeito Lair Pedro Maggioni autorizou apenas 5% de reajuste (Campo Mourão deu 9,57%. Parcelado, mas deu). Já em Nova Cantu, a prefeitura definiu o salário dos membros do Conselho Tutelar: R$ 300. Ih, vai todo mundo ficar rico...


    Calçadas
    A falta de padronização das calçadas de Campo Mourão está preocupando o presidente da Câmara, Izael Skowronski. Pudera. Em frente à Câmara, jogaram uma camada de cimentão bruto sobre o petit-pavé. Um pouco mais à frente, pintaram o petit-pavé de verde e preto. Em outro ponto, pintaram as pedrinhas de vermelho e preto. Ao lado, a calçada é amarela. Fazer o quê, mau gosto não é crime...


    Médicos
    O prefeito de Corumbataí do Sul, José Antônio Cafissi, está prevendo problemas para o posto de saúde. Os médicos que atendem a cidade e que faziam até 60 consultas por dia, tiveram que fazer concurso e agora só poderão atender 16 consultas diárias. E tudo pelo mesmo salário. O prefeito não sabe o que fazer com os pacientes que vão sobrar. É só contratar mais 4 médicos, ué?...


    Endereço
    Projeto de lei dos vereadores Celso Hruschka e Luiz Carlos Khel torna obrigatória a colocação do CEP nas placas que identificam os nomes das ruas de Campo Mourão. A idéia é interessante e já funciona em várias outras cidades. Agora, cá entre nós: não seria melhor obrigar, antes, a colocação dessas placas identificando as ruas?...
    Comentário(s)
  • Prever - Descontos

  • Nome   Cargo BR x Turquia BR x China BR x Costa Rica Pontos
    Ademir Flor   presidente da Acamdoze 3 x 0 3 x 1 4 x 01
    Anízio Moraes radialista 3 x 1 2 x 0 3 x 11
    Antônio Sena prefeito Goioerê3 x 12 x 02 x 11
    Aroldo Gallassini presidente da. Coamo 2 x 1 3 x 0 3 x 13
    Dilmar Daleffe presidente. Sta Casa 3 x 0 2 x 1 4 x 11
    Dom Mauro bispo diocesano 2 x 1 3 x 0 1 x 13
    Getulinho Ferrari vice C.Mourao 3 x 0 4 x 0 3 x 01
    Izael Skowronski presidente Câmara 2 x 1 2 x 2 4 x 33
    Joani Teixeira professor 2 x 0 3 x 1 3 x 01
    José Maurino “quase” vice de Curitiba 2 x 0 1 x 0  2 x 11
    José Rigoni Filho comandante 11o BPM 2 x 0 2 x 0 3 x 11
    Lindomar Alves. Jr. delegado 16a SDP 3 x 1 2 x 0 3 x 21
    Marco A. Kunzler presidente Acicam 3 x 1 5 x 0 4 x 01
    Maria de Lourdes Núcleo de Educação3 x 02 x 03 x 11
    Nélson Tureck deputado estadual 5 x 1 4 x 2 4 x 11
    Nélson Teodoro presidente Sind. Rural 2 x 1 2 x 0 1 x 03
    Pedro Palma presidente OAB 3 x 1 4 x 0 3 x 01
    Rubens Bueno deputado federal 2 x 1 3 x 0 4 x 13
    Rubens Sartori diretor Unespar 3 x 1 4 x 1 2 x 11
    Rui Antônio Cruz juiz de direito 2 x 0 6 x 0 2 x 11
    Tauillo Tezelli   prefeito C.Mourão 1 x 0 2 x 1 2 x 01
    Valdinei Pelói presidente Comcam 3 x 0 2 x 0 1 x 11

    REGULAMENTO: Resultados certos (vitória, empate ou derrota) valem um ponto. Placar na mosca valem três pontos. Ganha quem somar mais pontos ao final da primeira fase. Em caso de empate, soma-se os gols e ganha quem se aproximar mais. Persistindo o empate, se necessário, haverá sorteio.

    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • O homem não tem preguiça. Acorda cedo, dorme tarde, luta pelos municípios de forma incansável.

    Same Saab (PDT), prefeito de Iretama, se referindo ao deputado estadual Nélson Tureck (PSDB), em texto publicitário publicado em jornais de Campo Mourão.

    Comentário(s)
  • Sicredi - Bank

  • Antônio José

  • Paraná Multas

  • Brinquedolândia

  • Educare - Horizontal

  • Baile Tropical

blz.com.br